Guia completo sobre gestão de pessoas na empresa

Tempo de leitura: 8 min
Um guia completo para ajudar na gestão dos seus colaboradores

Você já ouviu falar em gestão de pessoas? Conhece os seus benefícios? Sabia que ela pode ser usada como uma excelente estratégia dentro da sua empresa? Para contar com uma gestão de pessoas de qualidade, você precisa entender mais sobre o assunto. Os benefícios que ela pode trazer, a melhor forma de estruturá-la, boas práticas realizadas pela equipe, além de erros comuns e como evitá-los.

Pensando nisso, fizemos este guia sobre gestão de pessoas na empresa para você começar a desenvolver essa estratégia agora mesmo!

banner livee

O que é a gestão de pessoas e quais são as atividades dessa área?

Em primeiro lugar, é importante esclarecer o que significa gestão de pessoas. Esse termo se refere a uma área da empresa que é responsável por um conjunto de práticas que acompanham e potencializam a jornada dos funcionários dentro da empresa, alinhando os seus objetivos pessoais com os da organização.

O início de suas funções se dá no momento do processo seletivo. É a equipe de gestão de pessoas que desenvolve ferramentas para encontrar o melhor candidato para a vaga exigida.

Após a contratação, o novo profissional será apresentado à cultura da empresa, conhecendo suas normas, valores, expectativas e atitudes que são compartilhados por todos os integrantes da organização, o chamando onboarding.

O time de gestão de pessoas também é responsável pelo treinamento desse novo colaborador para que ele realize as tarefas do cargo. Esse treinamento e o desenvolvimento devem ser constantes, o que significa que é a equipe de gestão de pessoas que acompanha o desempenho de todos os membros da empresa, de forma a encontrar pontos de melhoria e desenvolver as melhores capacitações para o time como um todo.

Também, é esse setor que deve se atentar às necessidades dos colaboradores relacionadas à saúde organizacional, segurança do trabalho e, ainda, cuidar das remunerações e benefícios. O time deve observar a qualidade da comunicação interna da empresa, as relações trabalhistas e o controle de dados dos funcionários da organização. Por fim, cuidam do processo de desligamento dos colaboradores, seja por motivos do profissional ou por falta de integração com os objetivos da empresa.

Como a gestão de pessoas pode ser estratégica?

A gestão de pessoas surgiu como departamento pessoal. Essa área era vista como um setor bastante operacional dentro da empresa, que deveria se preocupar com questões burocráticas relacionadas aos colaboradores, como folha de pagamento, registro de funcionários, controle de ponto, entre outros.

Entretanto, ao longo do tempo, ela evoluiu consideravelmente. Esses processos burocráticos ainda são importantes, mas hoje podem ser automatizados. Além disso, as empresas perceberam a importância do cuidado com os funcionários. Esse foco no colaborador recebe o nome de employee experience e visa a necessidade de investir em questões relacionadas à motivação e engajamento do time, produtividade, entre outras.

Foi nesse contexto que surgiu a gestão estratégica de pessoas. Esse setor passou a se posicionar, como o próprio nome já indica, de forma estratégica dentro da empresa. Isso significa que a organização tem um planejamento traçado e objetivos bem estabelecidos, assim, o papel da gestão de pessoas é conduzir os colaboradores para alcançá-los.

Afinal, quem efetivamente gera os resultados dentro de uma empresa são os profissionais que fazem parte do negócio. Dessa forma, é essencial que o setor de gestão de pessoas entenda quais são os objetivos estratégicos da empresa e atue, ativamente, na busca por eles.

Isso se dá de diversas formas. Em primeiro lugar, a gestão por competências pode ser uma das maneiras de posicionar o setor de forma estratégica. A valorização das diferenças e individualidades dos colaboradores e o investimento em benefícios flexíveis são outros exemplos. Ao longo do artigo, você vai descobrir mais sobre as melhores práticas para uma gestão de pessoas estratégica dentro da sua empresa.

Quais são as vantagens de contar com uma gestão de pessoas estratégica na empresa?

Entenda, agora, quais são as principais vantagens de investir em uma gestão de pessoas estratégica e de qualidade dentro do seu negócio.

Contratações com maior qualidade

A primeira vantagem a se observar quando se desenvolve uma gestão de pessoas de qualidade dentro empresa é poder contar com um processo seletivo mais eficiente. Pense que, para garantir o sucesso da marca, você deve contar com a excelência dos serviços prestados por seus funcionários. O início da jornada deles dentro da instituição se dá no momento da contratação.

Por isso, é de grande importância realizar processos seletivos que encontrem, entre os candidatos, aqueles que têm um perfil comportamental mais compatível com a ideologia e valores da empresa, além de terem as competências e habilidades desejadas. Com isso, você cria uma equipe mais motivada e apta para realizar as tarefas da jornada de trabalho.

Aumento da produtividade e da motivação

Quando você encontra os melhores funcionários para a empresa e se dedica na busca por desenvolvimento contínuo, cria colaboradores mais produtivos. Contudo, outro benefício importante de contar com uma gestão de pessoas de qualidade é a possibilidade de aumentar a motivação.

Isso é feito de diversas formas. A gestão de pessoas investe em estratégias direcionadas para a motivação, como a criação de benefícios flexíveis para os colaboradores. Segundo pesquisas, funcionários motivados produzem até 50% mais dentro da empresa. Portanto, com uma gestão de pessoas de qualidade, é possível melhorar a motivação e, consequentemente, a produtividade dos colaboradores.

Melhoria do clima organizacional

No momento que a empresa implementa uma gestão de pessoas estratégica tende a ocorrer uma melhora significativa no clima do ambiente organizacional. Para que isso ocorra, a equipe do RH deve alinhar com os funcionários os valores e a cultura da organização, além das atitudes aceitáveis e indesejáveis no ambiente de trabalho. Ainda, deve se preocupar em mostrar aos colaboradores a importância de cada um dentro da empresa, aumentando o sentimento de pertencimento e valorização.

Com isso, há uma redução nos conflitos internos que tanto prejudicam o clima, bem como a melhoria na resolução dessas situações quando elas ocorrem. Uma ferramenta que auxilia um bom ambiente é a pesquisa de clima. Assim, ocorre uma gestão eficaz do RH, na qual a equipe escuta as opiniões dos funcionários, analisam e desenvolvem melhorias a fim de garantir um local de bom convívio a todos.

Desenvolvimento dos funcionários

Uma empresa é formada por seus funcionários e, quanto mais capacitados eles forem, maior a chance da marca alcançar as metas estipuladas. Com uma gestão de pessoas de qualidade, é possível analisar e colocar em prática as melhores estratégias de desenvolvimento dos colaboradores, relacionando-as com os objetivos da organização como um todo.

Uma forma de fazer isso é a criação de indicadores de desempenho para acompanhar a produtividade do time e, ainda, garantir uma capacitação adequada às demandas de cada colaborador. Outra medida importante a ser adotada é buscar novas práticas de treinamento, a fim de deixar os conhecimentos e as habilidades do time sempre atualizadas.

Retenção de talentos

A equipe de gestão de pessoas será responsável por armazenar e analisar quais são as principais habilidades e conquistas de cada funcionário durante sua jornada dentro da empresa. Esses dados são importantes para reconhecer qual colaborador tem as características necessárias para aquela promoção que apareceu. Além disso, serão os responsáveis por criar um ambiente onde a equipe vê chances de oportunidades. Com isso, diminuem as chances de perder aquele funcionário qualificado para a concorrência.

Alinhamento dos objetivos empresariais

Empresas sempre buscam crescer. Contudo, muitas vezes, isso não ocorre pelo fato de os colaboradores não estarem a par de quais são os objetivos a serem conquistados. A ausência de engajamento e alinhamento entre os funcionários é um problema no qual a equipe do RH deve se atentar.

Introduzir um canal de comunicação interno, apresentar resultados regularmente, fazer a integração dos recém-contratados e incentivar os feedbacks são práticas que fazem o time estar mais a par dos objetivos e saber o que a empresa espera deles.

Quais são as melhores práticas para uma gestão de pessoas de qualidade?

Agora que você já sabe quais são os benefícios da gestão de pessoas de qualidade, é hora de descobrir as boas práticas que devem ser implementadas para alcançar esse objetivo. Continue a leitura e conheça as principais delas!

Avaliação de desempenho

Avaliação de desempenho é uma ferramenta utilizada pela equipe de gestão de pessoas para mensurar a performance dos colaboradores na função das atividades exercidas, incluindo suas metas e objetivos alcançados. Essa análise é baseada no acordo preestabelecido com o profissional referente ao seu desempenho.

Por meio dessa prática, é possível identificar pontos fortes e fracos da equipe. Isso é feito através de avaliações específicas e pela criação de mapas de competências. Com essas informações, o RH pode montar um plano de desenvolvimento de maior eficiência. Além disso, esse processo de treinamento auxilia a reter talentos e diminuir o turnover. Com isso, é possível ter funcionários mais capacitados, o que impacta diretamente nos resultados da empresa.

Pesquisa de clima organizacional

Por meio da pesquisa de clima organizacional, o time de gestão de pessoas consegue identificar conflitos e problemas de convivência que podem gerar desarmonia no ambiente de trabalho. Com isso, os profissionais conseguem ter uma visão mais clara da satisfação dos colaboradores e buscar pontos de melhoria visando uma melhor inserção entre a equipe.

Para que isso ocorra, os gestores devem desenvolver um canal eficiente de comunicação interna, se atentar às sugestões e queixas dos funcionários e desenvolver atividades de boa convivência. Com isso, você poderá contar uma equipe mais unida, gerando um clima organizacional mais adequado, o que impacta na realização de demanda por parte dos envolvidos.

Cultura organizacional

Ao implementar uma cultura organizacional, o time de gestão de pessoas consegue alinhar com os funcionários um conjunto de valores, crenças e atitudes esperadas pela empresa. Sua importância se dá por manter o time alinhado às metas e objetivos da organização, por isso, é fundamental desenvolver uma cultura clara. Assim, estruturar a cultura organizacional de seu negócio é essencial para garantir o engajamento dos colaboradores e conduzir a empresa rumo ao sucesso.

Benefícios flexíveis

Uma das boas práticas para garantir uma gestão de pessoas eficiente dentro da empresa é a utilização de benefícios flexíveis. Isso porque os seus funcionários são diferentes entre si, tendo necessidades e demandas diferentes. Dessa forma, quando o RH investe em benefícios flexíveis, valoriza essa diversidade do time. É possível oferecer uma opção de benefícios que se ajuste à realidade e necessidade de cada profissional, aumentando as chances de sucesso da estratégia.

Análise de banco de dados na gestão de pessoas

Com o avanço tecnológico, houve mudanças na forma como a equipe do RH gerencia os colaboradores. People Analytics é a prática de coletar, organizar e analisar dados dos funcionários. Isso é feito por meio de softwares especializados, que cruzam informações obtidas de diversas fontes com o objetivo de otimizar o serviço dos gestores de pessoas, possibilitando a empresa a tomar decisões mais acertadas sobre sua equipe.

Quais são os principais erros de gestão de pessoas nas organizações?

Agora que você sabe o que é a gestão de pessoas e como aplicá-la, está na hora de ver os principais erros que ocorrem e as melhores formas de evitá-los.

  • desorganização: no meio das funções de responsabilidade do RH pode haver uma desordem. Para que isso não ocorra, devem ser estipuladas prioridades entre as demandas;
  • não inovar: se acomodar não faz bem a nenhuma área da empresa. Por isso, o RH deve sempre estar atrás de novas ferramentas e inovações, a fim de aprimorar a análise e a evolução dos funcionários;
  • não estabelecer critérios na hora da contratação: às vezes, por urgência, as empresas fazem contratações sem muitos critérios. Entretanto, a equipe de gestão de pessoas deve se focar em encontrar profissionais capacitados que sejam condizentes com as diretrizes da empresa;
  • não pensar em iniciativas para integrar a equipe: desenvolver atividades que integrem e motivem os funcionários pode influenciar diretamente em sua produtividade. Por isso, é importante ter isso como um dos focos da gestão de pessoas;
  • não ter um canal de comunicação eficiente: uma das tarefas do RH é desenvolver um canal de comunicação de qualidade, a fim de evitar informações erradas e melhorar a relação dentro da equipe.

Agora que você entendeu o conceito e como pôr em prática, que tal desenvolver uma gestão de pessoas de qualidade dentro da sua empresa? Com essa estratégia, você conta com funcionários mais motivados e engajados com os objetivos e diretrizes da empresa, resultando em um impacto positivo nos resultados da organização.

Quer construir uma gestão de qualidade na sua empresa? Entre contato com a gente agora mesmo e descubra como podemos ajudar!

Gostou? Compartilhe

Quer conhecer mais sobre os benefícios flexíveis da Vee? Preencha o formulário e entraremos em contato com você.