Como a gestão e o RH podem enfrentar os desafios pós-confinamento

Tempo de leitura: 4 min
Como a gestão e o RH podem enfrentar os desafios pós-confinamento

Ainda que as empresas estejam voltando a rotina de antes, elas precisam estar preparadas para um novo normal do mundo pós Covid-19. Confira algumas dicas de experts de mercado e conselheiros Vee Benefícios para vida nas empresas pós-confinamento.

Os participantes

O time de conselheiros da Vee é composto por três grandes profissionais do mercado, cada um sendo especialista em diferentes segmentos. O Eduardo Gouveia  é expert em meios de pagamentos, loyalty e benefícios, o Marcelo Nobrega é especialista em gestão e RH e foi eleito Linkedin Top Voice pela própria rede social e o Eduardo Guerreiro é é economista e um dos principais nomes do país no segmento de benefícios e gestão.

Na live mediada pelo CEO da Vee, Raphael Machioni, eles compartilharam algumas dicas que as empresas podem experimentar e ajudá-las a enfrentar essa volta ao normal, que, na verdade, já está muito mudado. Confira o post! 

Melhores momentos da live “A melhor forma do seu negócio passar por esse momento desafiador”

Diferentes pilares essenciais para a empresa

Contando com visões de profissionais que são experientes, cada um deles compartilhou suas perspectivas sobre diferentes pilares essenciais para uma empresa. 

Eduardo Gouveia, sendo também conselheiro e investidor de outros negócios, pode ter um panorama do quanto alguns lugares foram pegos de surpresa quando o distanciamento social começou a ser aplicado e, com isso, a prática do Home Office. Muitas empresas não tinham planos de contingência, estruturas para transferir o trabalho para dentro das casas e apoios para estabelecer um cuidado com a saúde mental dos colaboradores. Para ele, esta deve ser a prioridade das empresas – as pessoas. Por isso, é importante avaliar as estruturas do seu negócio e analisar suas despesas para poder investir em aspectos importantes que impactarão nos momentos futuros, como sua equipe e relacionamento com clientes. 

Não existe uma resposta depara como será o cenário após essa crise, mas uma dica de Gouveia é desenhar possíveis ambientes e caminhos que possam ser estabelecidos a curto prazo. Além disso, pode ser um bom momento para reavaliar o seu próprio modelo de negócio. 

Marcelo Nobrega aborda de questões mais voltadas ao setor de recursos humano que está sendo o protagonista dentro das empresas. Cada vez mais a área tem assumido um papel de apoio ao líder em decisões importantes e estratégias. Confira aqui o post contando um pouco mais sobre o papel do CHRO

Neste momento de crise, Nobrega ressalta o quanto a imagem de um líder será lembrada e, por isso, suas atitudes também. Tendo isso em vista, é importante que ele saiba que faz parte não ter as respostas em relação ao que fazer e o RH deve apoiá-lo e ajudá-lo com isso. Os colaboradores também devem ser cuidados, priorizando flexibilidade em suas atividades e políticas. A pessoa deve ser focada de maneira personalizada, já que cada um está lidando com a situação de diferentes jeitos. 

Dessa mesma forma, o suporte para a volta ao trabalho presencial deve ser feito. Se, de um lado, não havia estrutura para planejar as mudanças devido a crise, agora é o momento de estabelecer o melhor tipo de suporte.Uma dica é entender as vontades de cada um, já que muitos ainda vão preferir por um tempo o Home Office devido a medos e receios, além de segurança. 

Eduardo Guerreiro enfatiza questões ligadas a cultura da empresa, que mesmo na situação de distanciamento, devem ser mantidas. O propósito do negócio deve ser sempre o foco e estar presente de maneira forte a todos. Cabe ao líder desenvolver um papel de exemplo, para ser referências aos colaboradores, preservando os principais valores da sua empresa, mostrando transparência e comunicando sobre os desafios que serão necessários enfrentar. 

Para isso, Guerreiro propõe que a união da equipe esteja bastante preservada, para que todos possam sentir que estão cumprindo o mesmo propósito e indo atrás do mesmo sonho. Dessa maneira, eles conseguirão encarar os próximos desafios que estão pela frente do novo normal. 

É um momento delicado, por isso a empresa deve tomar cuidado com decisões que possam afetar a cultura da empresa para que elas continuem tendo um crescimento sustentável na vida pós-confinamento.

O novo normal no pós-confinamento

Este cenário mostrou a mudança de consumo da população, novas maneiras de relacionares e fazerem suas atividades no trabalho. Porém, não é possível ainda saber como será o futuro dos negócios, existe muitas dúvidas e incertezas. É necessário, como pontua Gouveia, que se aposte em alguns cenários pensados a curto prazo, pensando em aprendizados que já é possível observar. Um exemplo disso é o consumo digital, que está cada vez mais alcançando todas as gerações, e novos setores estão se descobrindo nessa plataforma. 

Para o RH, essa é uma oportunidade de ter novas perspectivas em relação aos talentos que poderão ser contratados – agora pode ser mundial, com colaboradores de diferentes países. Com isso também, outros modelos de trabalho, como temporários podem ser pensados pelas empresas.

As relações devem voltar de maneira muito mais forte e mais confiantes que antes. As pessoas são as diretrizes que mostrarão como o mercado irá agir. Assim, também está sendo notável diferentes necessidades dos próprios colaboradores. Por isso, uma boa ferramenta de engajamento, que será essencial nessa volta ao novo normal, são os Benefícios Flexíveis. 

O RH precisa inovar e pensar nas necessidades dos colaboradores neste pós-confinamento, já que estes são os responsáveis pelos resultados dos negócios. A solução para isso é oferecer benefícios que estejam alinhados com cada um, de maneiras diferentes, ou seja, proporcionando a liberdade de escolha. O setor de recursos humanos precisa atender a todas as pessoas da empresa. Para isso, a conheça a solução que leva flexibilidade para te ajudar neste momento.  Vee Benefícios pode ajudar você a estruturar o melhor pacote de acordo com as necessidades da sua empresa. 

Veja a LiVEE sobre desafios pós-confinamento para empresas

Gostou? Compartilhe

Quer conhecer mais sobre os benefícios flexíveis da Vee? Preencha o formulário e entraremos em contato com você.